O Bom pastor e seus comentários

O Bom pastor e seus comentários

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Atos 13 = Enviados Pelo Espírito Santo


®   Atos 13: Enviados Pelo Espírito Santo.

A partir de Atos 13 indo até o final do capítulo 14 temos a primeira viagem Missionária de Paulo e o início da terceira e maior sessão do livro de Atos, que trata do tema da pregação do Evangelho até os confins da terra. Paulo e Barnabé foram os primeiros missionários enviados pela igreja de Antioquia.

Eles são separados pelo Espírito Santo (v.2); São enviados pelo Espírito Santo (v.4); Pregam o Evangelho cheios do Espírito Santo (v.9), e no fim, os discípulos transbordam de alegria e do Espírito Santo (v.52). 

Atos 13 é a primeira estratégia planejada de missões por parte de uma igreja local iniciada pelo próprio Espírito Santo. A igreja envia, e depois receberá de volta aos que enviou com relatório do que a graça de Deus realizou através deles. Isso acontece enquanto a igreja está servindo (leitourgia – prestando culto) ao Senhor (v.2); O Espírito escolhe (chama) dela o seu melhor (Paulo e Barnabé); a igreja jejua, ora e investe de autoridade (impondo as mãos) os escolhidos por Deus. Então envia. Deus faz através de nós, mas fica claro que é Ele quem faz.

A obra só pode progredir se a fizermos cheios do Espírito. É o Espírito quem identifica o falso e o expurga. Paulo só poderia enfrentá-lo e vencê-lo pelo poder do Espírito. O sermão de Paulo é muito parecido, em sua estrutura e conteúdo, com o sermão de Pedro no cenáculo em Jerusalém (At 2). O centro da mensagem é Cristo, as promessas do Antigo Testamento se cumprem nele e a aliança se completa nele. Serão salvos todos os que foram “destinados para a vida eterna” (v.48); quanto aos instigadores da maldade, sacudido deve ser o pó dos nossos pés a fim de prosseguirmos no caminho (v.51).

A grande pergunta é a seguinte: Como nossa igreja local pode fazer parte dessa dinâmica missionária operada pelo Espírito Santo na sua igreja?
1º) Servindo ao Senhor todos os dias no culto e na vida.

2º) Estando atentos ao ensino da Palavra praticado em todos os cultos e reuniões da igreja, estando prontos para obedecer à palavra de Deus acima de tudo.

3º) Estando prontos para nos oferecer a Deus completamente obedecendo ao seu chamado. Observe que o chamado do Espírito Santo acontece quando e enquanto a Igreja o serve cultuando a Deus.

Observe também a expressão “separai-me” (v.2). Quem for separado para o trabalho missionário o será para estar e servir diretamente ao Espírito Santo. A obra não é nossa, mas o privilégio de servir a Deus sempre é acompanhado por uma maior aproximação de Deus, da mesma maneira como foi com os discípulos que Jesus chamou para estarem com ele e para enviá-los a pregar (Mc 3.14).

O chamado de Deus e a intimidade com Deus é dispensada àqueles que se envolvem e trabalham na obra de Deus, mas nunca para meros assistentes e frequentadores descompromissados que só desejam ganhar e nunca contribuir (seja espiritualmente, financeiramente ou socialmente).

Por isso, envolva-se! Disponha-se! Participe! Contribua!

         Com amor, Pr. Hélio.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...